Andrei Voznesensky

Poema para Voznesensky

[por Rudinei Borges]

Gostei de você, Voznesensky. Gostei mesmo.

Apesar de não saber de você.

Nem de sua poesia. Nem o seu nome,

Voznesensky. Mas juro que gostei de você.

Por isso, coloquei a sua foto

Na parede do meu quarto

Junto aos meus santos e aos meus poetas.

Agora você, Voznesensky, vai me vê

Acordar aborrecido toda manhã,

Com uma vontade imensa de dormir

O dia todo. Você e Fernando Pessoa,

E São Francisco de Assis e T.S. Eliot

Vão rezar comigo quando

Eu ficar aturdido

E precisar conversar com Deus.

Acho que você não vai se importar,

Voznesensky. A minha reza é curta,

Porque a sina é longa. Não se preocupe.

Não vou  fazer você sofrer.

Gosto de você, Voznesensky.

Você é o tipo de cara

Que eu queria ter conhecido.

Um pensamento sobre “Poema para Voznesensky

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s