Amazônia/Carimbó

Canto de atravessar – Carimbó

A dança do Carimbó

A dança do Carimbó

Para matar a saudade da Amazônia posto a letra de um carimbó, ritmo musical e manifestação folclórica comum no Pará. O mais triste é que a palavra “carimbó” nem aparece no dicionário.

Canto de atravessar

O pescador quer beber
Vai beber no Guajará
Vento no bote, força no remo,
Canto de atravessar

O pescador quer beber
Vai beber no Guajará
Vento no bote, força no remo
Canto de atravessar

Sentir a força do vento que vem do norte
Levantei peguei o bote
Naveguei pra Gapuiá
Tava tão forte essa maré tava de morte
Quase que virou o bote, fez bote rodopiar

Virei a proa pro rumo de São José
Pra não pegar contra maré pra ver se dava pra chegar

Cheiro de peixe, pitiú, olho de boto
Barco que dorme no porto de costa pro Guajará

Vem morena, vem de Canapijó
Vem mostrar pra gente como se dança o Carimbó
Quero te ver morena, quero que venha só
Pra dançar o tipiti e também o Carimbó

Sentir a força do vento que vem do norte
Levantei peguei o bote
Naveguei pra Guapiá
Tava tão forte essa maré tava de morte
Quase que virou o bote, fez bote rodopiar

Virei a proa pro rumo de São josé
Pra não pegar contra maré
Pra ver se dava pra chegar

Cheiro de peixe pitiú olho de boto
Barco que dorme no porto de costa pro Guajará

Vem morena, vem de Canapijó
Vem mostrar para gente como se dança o Carimbó
Quero te ver morena, quero que venha só
Pra dançar o Tipití e também o Carimbó.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s