Artes cênicas/Marcelino Freire/Sesc/SP/Teatro

Rasif, mar que arrebenta

 img090

Esptáculo baseado em doze dos dezessete contos do livro Rasif, mar que arrebenta, do autor pernambucano Marcelino Freire. Como em Angu de Sangue, primeiro espetáculo do Coletivo Angu de Teatro, os textos de Marcelino, em sua maioria monólogos em tom de desabafo que, segundo o autor, tratam de seu “desespero renovado”, foram transportos quase que totalmente na íntegra para a cena, e mesmo as senhas para a concepção do espetáculo – “mar e pedra”, “língua e luta”, “amor e guerra” – vêm da própria circularidade e do encantamento do discurso do autor, que considera “cirandas” os próprios contos.

A peça faz parte do projeto Palco Giratório 2009 do SESC e está e já foi apresentada em várias cidades do Brasil.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s